Portaria designa comissão do concurso composta por cinco oficiais da corporação.

O Governador do Tocantins, Mauro Carlesse, autorizou nesta sexta-feira, 15, o início dos trabalhos para realização do concurso público para o provimento de 30 vagas para o Curso de Formação de Oficiais (CFO) da Polícia Militar.

A comissão designada na Portaria nº 001/2021-QCG é composta por cinco policiais militares e será presidida pelo Chefe do Estado Maior da PMTO, coronel Márcio Antônio Barbosa de Mendonça. O CFO forma policiais militares para o exercício das funções de chefia, comando e execução dos diversos serviços e atividades inerentes à PMTO. O aluno do CFO é chamado de cadete.

O Governador do estado do Tocantins, Mauro Carlesse, destacou que, “ temos feito uma gestão com planejamento, responsabilidade e eficiência para recuperar as finanças do nosso Estado e melhorar a vida do povo tocantinense. E isso nos possibilita agora a dar um suporte maior para a nossa honrosa Polícia Militar, que tanto prezo, fazendo com que ela siga sendo a melhor Polícia do Brasil. O concurso para a formação de novos oficiais é uma necessidade que a instituição tem e é uma grande oportunidade para as pessoas ingressarem em uma excelente carreira dentro do serviço público”.

O comandante geral da PMTO, coronel Jaizon Veras Barbosa, também falou sobre a importância da realização do certame para atender as necessidades da segurança pública estadual. “Este é mais um concurso muito esperado para a população tocantinense no que tange à segurança pública a fim de melhorar o policiamento em todo o estado com o emprego de mais policiais nas ruas, bem como na oportunização de vagas para um cargo público numa corporação de reputação honrosa e de conduta ilibada. Sabemos que centenas de pessoas  sonham em ser policial militar e irão se candidatar às vagas”.

O Chefe do Estado Maior da PMTO (CHEM) e presidente da comissão para provimento de vagas do CFO, coronel Márcio Antônio Barbosa de Mendonça,  frisou que “a comissão está empenhada em atuar com moralidade, transparência,  segurança, além de celeridade para que o concurso não sofra entraves no processo e que o mais breve possível seja disponibilizado o edital do certame”. Ele agradeceu o empenho do Governo do Estado com os recursos necessários e responsabilidade fiscal para que o certame seja realizado.

Concursos em andamento

Estão abertas as inscrições para o quadro operacional, quadro de músicos e quadro da saúde da PMTO. São ofertadas 1.000 vagas para praças, sendo 950 vagas para o quadro operacional QPPM, 25 vagas para o quadro de músicos (QPE-Músicos); e 25 vagas para o quadro da saúde (QPS) distribuídas em 20 para técnico em enfermagem e cinco para técnico em Saúde Bucal.

Por: Lara Tavares/Governo do Tocantins


Compartilhar:

Deixe seus Comentario