Evento foi organizado para comemorar a vitória dos candidatos eleitos. Imagens mostram muita aglomeração, com pessoas sem máscara e descumprindo o distanciamento social no meio da pandemia.

Um inquérito civil foi aberto pelo Ministério Público Estadual (MPE), nesta sexta-feira (15), para apurar ato de improbidade administrativa envolvendo o prefeito e os vereadores de Aliança do Tocantins, na região centro-sul do estado. O objetivo é investigar o possível descumprimento de normas sanitárias de enfrentamento à pandemia durante uma festa que foi convocada pelos políticos na semana passada.

A Prefeitura de Aliança e a Câmara de Vereadores ainda não se manifestaram sobre o caso.

O evento, chamado de Confraternização da Vitória, atraiu uma multidão de pessoas na feira coberta da cidade. Conforme o MPE, o prefeito e os vereadores convidaram a população do município para um almoço em comemoração à vitória dos candidatos eleitos nas últimas eleições municipais.

O evento teve muitas pessoas aglomeradas, dançando, sem usar máscaras ou respeitar o distanciamento social. Apesar disso, a prefeitura afirmou que o evento seguiu os “protocolos exigidos pela OMS [Organização Mundial da Saúde]”.

A investigação foi aberta pela 8ª Promotoria de Justiça de Gurupi, que deu prazo de 10 dias para o prefeito e o presidente da Câmara de Vereadores se explicarem. Eles deverão informar quem tomou a iniciativa da festa, quais autoridades participaram e as pessoas ou empresas que contribuíram financeiramente.

Entenda

A festa aconteceu no último domingo (10). As autoridades da cidade chegaram a divulgar um convite para a festa nas redes sociais. A imagem mostra a foto do prefeito Elves Guimarães (PTB) e do vice, Nenzinho (PSC) com a seguinte mensagem: “O prefeito eleito, Elves Guimarães, e o vice-prefeito eleito Nenzinho, juntamente com os vereadores eleitos convidam a população de Aliança para a confraternização da vitória.”

O convite ainda fala que o uso de máscara seria obrigatório e que não haveria festa devido a pandemia, mas somente um almoço de confraternização. Porém, as imagens feitas no local mostram uma situação bem diferente.

Na época a Prefeitura de Aliança afirmou que “o evento denominado Confraternização da Vitória, ocorreu ontem em local aberto, e dentro dos protocolos exigidos pela OMS”. Também afirmou que vem desenvolvendo ações de enfrentamento a Covid-19 com efetividade, uma vez que os casos ativos no município de Aliança do Tocantins estão sob o controle.

Confraternização foi convocada pelo próprio prefeito — Foto: Reprodução

Por: G1 Tocantins


Compartilhar:

Deixe seus Comentario